ROGATIVA DO SERVO

Nessa oração, André Luiz nos convida ao acordo da temperança e do equilíbrio.